4 dicas para um planejamento estratégico eficiente

4 dicas para um planejamento estratégico eficiente

Muitas empresas investem uma grande quantidade de tempo, recursos e esforços em um planejamento estratégico minucioso, que cubra todos os possíveis ângulos do negócio.

Acontece que com o passar do tempo, alguns aspectos previamente considerados se tornam obsoletos e manter-se fiel a esse plano inicial pode ser altamente prejudicial para o crescimento e desenvolvimento do negócio.

Após a incorporadora Eztec realizar o seu IPO, fui incumbido da missão de construir e gerir a sua equipe interna de vendas a fim de garantir um maior controle e liquidez nas vendas dos seus produtos.

Ao longo de 5 anos a frente deste desafio, ficou muito claro o quanto que a frequência na atualização das estratégias alinhada ao engajamento da equipe de vendas, impactam nos resultados da empresa.

Seguem algumas dicas que aprendi nesse período:

1- Defina a estratégia e KPIs no começo de cada projeto e acompanhe-as com frequência. 

A melhor maneira de saber se a sua empresa está no caminho certo e alinhada com a sua estratégia é definindo as métricas dos KPIs (indicadores de performance) e acompanhando-as regularmente seja semanalmente, quinzenalmente, mensalmente.

É claro que essa frequência vai depender do modelo de cada negócio, porém, pela minha experiência quanto menor for esse período de acompanhamento, maior o controle e a oportunidade de ajuste desta estratégia e menor o risco de surpresas lá na frente.

2- Procure por produtividade fora do ambiente de trabalho

Desenvolver um planejamento estratégico dentro do ambiente tumultuado e cheio de distrações do escritório pode ser uma tarefa dura, ineficiente e frustrante.

Do contrário, conduzir uma reunião com a sua equipe em um ambiente fora do trabalho irá lhe proporcionar uma conversa mais focada, produtiva e benéfica.

3- Esteja pronto para praticar o desapego

Uma vez munido de dados e feedbacks, você tem a oportunidade de rever a sua estratégia inicial e KPIs e entender o que está ou não funcionando.

Ao fazer isso, seja franco e verdadeiro consigo mesmo e não deixe o ego falar mais alto. Uma vez identificado um problema, de uma ou duas, ou existe uma forma de solucioná-lo ou você deve estar preparado para descartar o planejamento estratégico inicial, produto ou campanha.

A objetivo aqui é construir uma nova estratégia levando em consideração o que foi aprendido e por mais difícil que seja, assimilar a pancada.

4- Agora com a estratégia e KPIs comprovados, é hora de definir as metas.

Agora é hora de planejar as ações da sua equipe e buscar as metas. O controle das atividades realizadas pela equipe de vendas também deve fazer parte da estratégia.

Uma boa prática é colocar esse planejamento estratégico no papel e revê-lo de tempo em tempo ou a cada novo projeto.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *